Total de visualizações de página

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Puxe uma cadeira e sente-se na cozinha

Sente, relaxe e descanse enquanto toma aquela água abençoada, uma caneca de chá come alguns biscoitos de preferencia ao lado de quem você ama, com os amigos queridos.
 É maravilhoso o ato de conversar sentado na cozinha. Tente fazer isso sempre que puder.
Receba na cozinha as pessoas que você ama, a cozinha é o centro da casa dizia minha vó Nezita.
Quando chegava alguém na casa dela, logo se achegava ao redor da mesa. Era sagrado minha avó levar seu convidado para a cozinha.
Logo dizia ela: puxa a cadeira e senta ai, enquanto eu vou coar aquele cafézinho.Canecas de louça na mesa,toalha  de retalhos, guardanapos branquinhos e muita gentileza enquanto ia tecendo as palavras.
Se alguém estava com raiva dizia ela: se irrite não vai fazer mal para o fígado tudo passa passa, tanto o bem quanto o mal. Quem lhe feriu foi muito mais ferido, porque não sabe o significado da gratidão. E lá ia minha avó Nezita falando para rezar o Creio em Deus Pai.
Era para curar a dor da ingratidão.
Se a pessoa estava triste, ela dizia pode falar o quanto quiser, a tristeza também passa.
Enquanto ia escutando, ofercia uma xícara de chá, água benta, bolinho de fubá. E com isso não percebia a hora passar.
Quando se percebia a noite já ia chegando.
Mas ela dizia: - o bom mesmo é puxar a cadeira sentar e deixar que a alma se purifique.
 É  muito bom conversar na mesa da cozinha, faça isso.
Solte a alma e libere o coraçaõ. Pare para escutar enquanto coa aquele cafézinho cheiroso, ou aquele chá de erva-cidreira.
AMÉM.

Nenhum comentário:

Postar um comentário